Oportunidades e Financiamentos

FAPESP apoiará projetos que ajudem a acelerar a transição energética no Estado de São Paulo

Edital destinará até R$ 10 milhões a pesquisas voltadas à inovação tecnológica.

Agência FAPESP – A FAPESP anuncia a chamada de propostas “Aceleração da Transição Energética no Estado de São Paulo e no Brasil”, lançada no âmbito do Programa FAPESP de Pesquisa sobre Mudanças Climáticas Globais (PFPMCG).

A chamada selecionará projetos de pesquisas transversais a diversas disciplinas e de caráter estratégico, com o propósito de organizar ações e investimentos em Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação na área energética que estejam relacionados com a transição para uma economia de baixo carbono e de neutralização de emissões para o Estado de São Paulo.

A chamada tem como foco o apoio a projetos de pesquisa que contribuam primordialmente com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS): 7 – Energia limpa e acessível e 13 – Ação Contra a Mudança Global do Clima.

Serão apoiados projetos que ofereçam análises e visão de futuro para acelerar uma transição energética, especialmente considerando aspectos de inovação tecnológica de produção e uso de energia (eletricidade e combustíveis), infraestrutura física, institucional e regulatória e questões ligadas à conservação da biodiversidade, entre outros.

Espera-se que as propostas tragam avanços no âmbito da regulação juntamente com mecanismos de incentivos, inovações regulatórias e novos padrões técnicos, para acelerar a criação de cadeias de valor na área de energia.

As propostas deverão buscar acelerar a criação de um mercado doméstico e de exportação de créditos de carbono, engenharia de infraestrutura, armazenagem e distribuição de energia, assim como instrumentos e políticas para gerenciamento da demanda de energia.

Espera-se ainda que as propostas busquem sinergias com as tendências internacionais e considerem a possibilidade (e oportunidades) de cooperação internacional.

Na FAPESP, as propostas submetidas na chamada deverão seguir as normas e orientações da modalidade escolhida de Auxílio à Pesquisa: Regular, Projeto Temático ou Jovem Pesquisador. Excepcionalmente, na modalidade Auxílio à Pesquisa – Regular poderá ser solicitada uma Bolsa de Pós-Doutorado como item orçamentário.

A FAPESP destinará até R$ 10 milhões para apoiar as propostas selecionadas na chamada. Propostas serão recebidas até 27 de janeiro de 2023.

A chamada de propostas está publicada em: fapesp.br/15605.


Este texto foi originalmente publicado por Agência FAPESP de acordo com a licença Creative Commons CC-BY-NC-ND. Leia o original aqui.